wake up alone

Wake Up Alone (Original Version)
Album: Lioness: Hidden Treasures

“Não posso escrever
Sinto com a música
Que ela fale por mim…”

Anúncios

let me in your window

“Heathcliff, it’s me, I’m Cathy, I’ve come home
I’m so cold, let me in your window
Heathcliff, it’s me, I’m Cathy, I’ve come home
I’m so cold, let me in your window”

02/08/2012 – 02:38AM

p. 785

Numa manhã fria ao acordar ele soltou um grande suspiro. Nesse dia não acordou como em outras manhãs de sua vida. Repetidas vezes durante a noite lutara com sua mente que queria voltar à consciência. Não sabia descrever essa sensação que nunca sentiu. Essa sensação profunda, invisível e totalmente indescritível, a qual não tinha como ignorar era fatal. Mas quem se importava?

“Não sei o que sentir” – pensou ainda com a cabeça sob o travesseiro. Estava neutro, mas seus músculos embaixo do acolchoado estavam cheios de força, seu corpo quente e o sangue corria rápido em suas veias. Apenas infeliz. Não que estivesse mal, triste, sem ânimo, apenas infeliz com o que tinha. Seus pensamentos ativos, sua mente clara e organizada.

Lembrou-se de sua infância, suas angústias e alegrias; recordou-se das risadas de sua mãe e da noite anterior enquanto ela chorava em seus braços. Uma necessidade o invadiu – não precisava.  Veio à mente um dia frio como aquele, em que lhe seguraram a mão, nem áspera, nem macia, seus dedos finos e a palma forte.
– Sua mão. Aperto-a, ela me devolve o aperto mas não sinto seu calor, nem frio – ouviu estas palavras e revelou seu estado de espírito. Baixou a cabeça, respirou fundo e apertou mais os dedos.
– Não me sinto hoje, nem mal, nem bem…

Quis ele repetir suas esperanças e temores, mas não seriam novidades; não eraa necessário. Sabia que não deveria estar bem, contudo não sabia mais se estava certo do que sentia e, também, do que não sentia. Afinal, como se pode sentir-se bem quando não tem o que deseja? Pior que isso, saber que motivar-se e buscar não lhe dava margem para alcançar, seus objetivos eram demasiado distantes de sua realidade. Suas armas não bastavam.